Monarquistas maranhenses pedem revitalização de monumento histórico


Com iniciativa do Grupo de Estudos Monárquicos 17 de Novembro, os monarquistas locais realizam nesse domingo (4), às 16h00, ato pela recuperação de monumento de herói responsável pela reconquista do Maranhão.

ABANDONADO, O MONUMENTO À JERÔNIMO DE ALBUQUERQUE MARANHÃO CARECE DE CUIDADOS (DIVULGAÇÃO/©G.E.M. 17 DE NOVEMBRO)

Ontem (3), por meio de seus canais nas redes sociais, o Grupo de Estudos Monárquicos 17 de Novembro comunicou a seus seguidores a realização, neste domingo (4), de um ato pela revitalização do monumento a Jerônimo de Albuquerque Maranhão, personagem histórico de grande importância para os maranhenses. O encontro, em frente à estátua do herói, está marcado para as 16h00.

Recordando os 400 anos de sua morte, o grupo planeja realizar, na ocasião, uma breve descrição da Batalha de Guaxenduba, conflito militar que resultou, em 1615, na reconquista da então Capitania do Maranhão, com a consequente expulsão dos franceses, que em 1612 haviam tomado o local.

O monumento a Maranhão localiza-se na Av. Jerônimo de Albuquerque, em frente a entrada do Vinhais.

Jerônimo de Albuquerque Maranhão

Herói da conquista do Maranhão, Jerônimo de Albuquerque Maranhão é também herói norte-rio grandense. Fundador da cidade de Natal, ele foi responsável pela reconquista da então Capitania do Rio Grande em 1597, igualmente recuperada das mãos dos franceses.

Filho de um português e uma indígena, Maranhão nasceu em Olinda, em 1548. Nomeado, em 1616, capitão-mor da Capitania do Maranhão (em reconhecimento aos serviços prestados), exerceu o cargo por dois anos, até sua morte.

Mesa Redonda sobre Monarquia e República no IFMA

DEBATE MONÁRQUICO NO INSTITUTO FEDERAL DO MARANHÃO (DIVULGAÇÃO/©G.E.M. 17 DE NOVEMBRO)

No último dia 28 de fevereiro, o G.E.M. 17 de Novembro, que tem atuado ativamente no Estado, realizou uma mesa redonda sobre "Monarquia e República no Brasil atual" no campus Monte Castelo do Instituto Federal do Maranhão (IFMA). Segundo os organizadores, o auditório foi lotado pelo público que, participativo, fez do evento um sucesso. Parabenizamos os maranhenses!

#Protesto #Ato #Monarquistas #Maranhão #GrupodeEstudosMonárquicos17deNovembro #JerônimodeAlbuquerqueMaranhão

Banner wallpaper bandeira imperial.png

Todos os direitos reservados © Diga Sim à Monarquia - 2013-2020