Chefe da Casa Imperial presta condolências à Rainha da Dinamarca


Na mensagem em que manifesta seus sentimentos à Margrethe II pelo falecimento de seu marido, o Príncipe Henrik, Dom Luiz recorda os laços de amizade entre familiares.

OFICIAIS CARREGAM CAIXÃO COM O CORPO DO PRÍNCIPE CONSORTE, ACOMPANHADOS DE PERTO PELA RAINHA DA DINAMARCA (LISELOTTE SABROE/©EPA-EFE)

Após ser informado do falecimento, na noite da última terça-feira (13), do Príncipe Consorte Henrik, marido da Rainha Margrethe II da Dinamarca, Sua Alteza Imperial e Real o Príncipe Dom Luiz de Orleans e Bragança, Chefe da Casa Imperial do Brasil, enviou, por telegrama, em francês, uma mensagem de condolências à Sua Majestade, divulgada pela Pró Monarquia nesta segunda-feira (19).

Na mensagem, Dom Luiz remete à amizade entre suas avós, a Duquesa Alexandrine de Mecklemburgo-Schwerin, Rainha consorte da Dinamarca, e a Princesa Dona Maria Pia de Bourbon-Duas Sicílias, que em Cannes, na França, passavam juntas os verões, conforme registrado por Dona Pia Maria, Condessa René de Nicolaÿ (1913-2000), em suas memórias (Le Temps de ma Mère).

Reproduzimos abaixo, em português, o telegrama enviado por S.A.I.R. a Sua Majestade:

A Sua Majestade a Rainha Margrethe II Hofmarskallatet Postboks 2143 1015 Kobenhavn K Danemark Bastante entristecido pela notícia do falecimento de Sua Alteza Real o Príncipe Consorte Henrik, envio-lhe minhas sinceras condolências, rogando a Deus pelo eterno repouso de sua alma e por Seu consolo a Vossa Majestade e aos seus. Recordo, neste momento, da amizade entre as nossas avós, a Duquesa Alexandrine de Mecklenburg-Schwerin e a Princesa Maria Pia de Bourbon-Sicílias. Luiz de Orleans e Bragança, Chefe da Casa Imperial do Brasil

Primos em quinto grau

A RAINHA MARGRETHE II DA DINAMARCA E SEU MARIDO, O PRÍNCIPE CONSORTE HENRIK, FALECIDO NO ÚLTIMO DIA 13 (TORBEN ESKEROD/©KONGEHUSET)

Parentes distantes, o Chefe da Casa Imperial do Brasil e a Rainha da Dinamarca são primos em quinto grau, partilhando Franz, Duque de Saxe-Coburgo e Saalfeld, e sua segunda esposa, a Condessa Augusta Reuss de Ebersdorf - bisavós do Conde d'Eu, marido da Princesa Isabel -, como ancestrais em mais próximo grau de relação.

Grupos monarquistas brasileiros também enviam suas condolências à Rainha

COM FLORES, DINAMARQUESES FAZEM MEMORIAL PARA O PRÍNCIPE HENRIK EM FRENTE AO PALÁCIO DE AMALIENBORG (MADS CLAUS RASMUSSEN/©NY TIMES)

Seguiram o exemplo da Casa Imperial brasileira organizações monarquistas como o Círculo Monárquico do Rio de Janeiro, que também enviou à Rainha Margrethe II uma mensagem de condolências. Assinada pelo chanceler da organização, o médico carioca Dr. Bruno Hellmuth, o Círculo apresentou seus mais sinceros sentimentos de tristeza pela notícia, rogando ao fim: "Possa Nosso Senhor acolhê-lo e consolar Vossa Majestade, Vossa ilustre Família e a todo o Povo dinamarquês".

#Dinamarca #RainhadaDinamarca #MargretheIIdaDinamarca #PríncipeConsortedaDinamarca #HenrikdaDinamarca #Morte

Banner wallpaper bandeira imperial.png

Todos os direitos reservados © Diga Sim à Monarquia - 2014-2020